Novas receitas

O Hard Rock Cafe traz de volta o hambúrguer do OctoberFest e a combinação de cerveja

O Hard Rock Cafe traz de volta o hambúrguer do OctoberFest e a combinação de cerveja

A combinação de hambúrguer e cerveja estará disponível até 2 de outubro; coquetéis especiais estarão disponíveis até 13 de novembro

O Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger pode ser combinado com um copo de cerveja Samuel Adams OctoberFest.

Oktoberfest chegou ao Hard Rock Cafe Yankee Stadium na forma de uma combinação de hambúrguer e cerveja e coquetéis especiais. Retornando este ano está o Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger, que pode ser acompanhado por um copo de cerveja Samuel Adams OctoberFest.

O hambúrguer do OctoberFest apresenta "costeletas levemente empanadas de schnitzel de porco tenro, em camadas com molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon e chucrute de maçã, mostarda Dijon, alface e tomate" e é servido em um pão de pretzel, de acordo com um comunicado . A combinação de hambúrguer e cerveja estará disponível em todo o país até 2 de outubro.

Os coquetéis especiais incluem mango tequila ao nascer do sol, ponche de pêssego, mula de canela com especiarias, amora silvestre e rush on the rocks. A mango tequila sunrise é feita com tequila Jose Cuervo Gold, rum com especiarias Sailor Jerry, suco de laranja, purê de manga Finest Call e grenadine. A amora preta e pêssego amora contém gin The Botanist, amoras frescas, Peach Reál e limonada feita em casa, e é finalizada com licor de framboesa preta Chambord.

Os coquetéis estarão disponíveis em todo o país até 13 de novembro.


Restaurantes mudam o foco para sabores da Oktoberfest

Um tema da Oktoberfest, apresentando uma cerveja chamada OctoberFest, baseado em um item do menu realmente estrelado na Alemanha. Darryl Mickler, o diretor sênior de pesquisa e desenvolvimento da Hard Rock International, admite que esta foi uma oferta por tempo limitado que não precisava esticar os canais criativos da marca. “É uma combinação perfeita”, diz ele, simplesmente.

Quando se trata da celebração alemã, que ocorreu de 19 de setembro a 4 de outubro em Munique, às vezes é melhor não complicar as coisas. A promoção do Hard Rock do The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger homenageia o Local Legendary Schnitzel Burger de Munique. Nos estágios de planejamento, Mickler diz que era importante manter de vista os sabores autênticos que os clientes desejam nesta época do ano, mas também encontrar uma maneira de torcer a receita para mantê-la fresca. A parceria com Samuel Adams deu ao Hard Rock uma direção imediata.

“Foi natural evoluir um pouco o item para que combinasse bem com Samuel Adams OctoberFest”, explica ele. “Fomos e voltamos com seus especialistas em cerveja e seu mestre cervejeiro, conversando sobre o perfil de sabor dele.” O resultado foi um tenro schnitzel de porco empanado levemente, um molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon defumado, chucrute, mostarda integral e rúcula fresca, servido em um pão de pretzel. Chegar a esse ponto, embora claro em conceito, exigiu bastante perspicácia. Mickler diz que queria melhorar cada ingrediente e passou um tempo garantindo que os detalhes, como colher rúcula em cima da alface americana e testar diferentes pãezinhos de pretzel, juntassem tudo. Sem mencionar, mantê-lo simplificado o suficiente para que suas muitas unidades pudessem replicar facilmente a criação.

Nesse caso, ajudou o Hard Rock a apresentar o item em seu World Burger Tour anteriormente, e já tinha a receita em vigor em muitas cozinhas. “Com aquela sugestão de queda no ar, os hóspedes procuram alguns daqueles sabores maiores, como chucrute e bacon, notas maiores do sabor da cerveja. Todos eles se saem muito bem aqui ”, diz Mickler sobre o item, que é uma continuação das combinações de hambúrguer e cerveja que o Hard Rock lançou ao longo do ano, incluindo o Rebel Legendary Burger e o Goose Island Tropical Bacon Burger.

Como o Hard Rock, o Butcher’s Tap no bairro de Lincoln Park em Chicago começou com a cerveja. O Chef Executivo Sean Currie, depois de olhar para algumas novas seleções de cerveja chegando, decidiu que queria estender essa inspiração para a cozinha.

Não atrapalhou o fato de ele ter passado nove anos estudando alemão como língua e sempre teve afinidade com a culinária, em uma cidade que ele diz adorar “cerveja e pirralhos” naturalmente.

“Imediatamente, a placa de pirralho estava acontecendo. Então eu estava meio que pulando com coisas diferentes ”, diz ele. Currie propôs três especiais alemães no restaurante, que tem uma seleção de 100 cervejas diferentes e 80 linhas de tap. O primeiro, como ele mencionou, foi um prato com um pirralho tradicional, salada de batata alemã, bacon e chucrute de cerveja e mostarda integral.

“Adoro cozinhar pirralhos na cerveja, derreter cebolas na própria cerveja”, diz ele. "É uma espécie de panela única e você pode terminar na grelha." Currie também trouxe Samuel Adams OctoberFest para a equação. “Eu amo chucrute. Para ser honesto, vai muito bem com qualquer salsicha. O que eu gosto de fazer é fazer um chucrute geral. Em seguida, cozinho grandes pedaços de bacon e coloco o chucrute com toda a gordura do bacon e o próprio bacon. Então eu cobri com o Samuel Adams OctoberFest e cozinhei. Na verdade, é muito interessante. Isso o torna um pouco doce. Você tem aquele bacon gordo de chucrute amargo e picante e pouca doçura de cerveja. ”

Suas outras duas criações foram um pirralho ao estilo Sheboygan em um pão com cebola derretida e um lado de salada de batata e sanduíche de schnitzel com salada de batata ou chucrute.

Currie adotou uma abordagem diferente com o schnitzel, usando carne de vaca em vez de porco. Depois de preparar os pratos, ele os colocou e deixou que sua equipe julgasse. Um dos gerentes gerais do restaurante, que por acaso é alemão, forneceu a Currie todo o feedback de que ele precisava.

“Basicamente, ele simplesmente pegou todas as sobras, colocou em um prato e desapareceu no escritório”, diz Currie. “Eu me senti muito bem com [os pratos] depois disso.”


Restaurantes mudam o foco para sabores da Oktoberfest

Um tema da Oktoberfest, apresentando uma cerveja chamada OctoberFest, baseado em um item do menu realmente estrelado na Alemanha. Darryl Mickler, o diretor sênior de pesquisa e desenvolvimento da Hard Rock International, admite que esta foi uma oferta por tempo limitado que não precisava esticar os canais criativos da marca. “É uma combinação perfeita”, diz ele, simplesmente.

Quando se trata da celebração alemã, que ocorreu de 19 de setembro a 4 de outubro em Munique, às vezes é melhor não complicar as coisas. A promoção do Hard Rock do The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger homenageia o Local Legendary Schnitzel Burger de Munique. Nos estágios de planejamento, Mickler diz que era importante manter de vista os sabores autênticos que os clientes desejam nesta época do ano, mas também encontrar uma maneira de torcer a receita para mantê-la fresca. A parceria com Samuel Adams deu ao Hard Rock uma direção imediata.

“Foi natural evoluir um pouco o item para que combinasse bem com Samuel Adams OctoberFest”, explica ele. “Fomos e voltamos com seus especialistas em cerveja e seu mestre cervejeiro, conversando sobre o perfil de sabor dele.” O resultado foi um tenro schnitzel de porco empanado levemente, um molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon defumado, chucrute, mostarda integral e rúcula fresca, servido em um pão de pretzel. Chegar a esse ponto, embora claro em conceito, exigiu bastante perspicácia. Mickler diz que queria melhorar cada ingrediente e passou um tempo garantindo que os detalhes, como colher rúcula em cima da alface americana e testar diferentes pãezinhos de pretzel, juntassem tudo. Sem mencionar, mantê-lo simplificado o suficiente para que suas muitas unidades pudessem replicar facilmente a criação.

Nesse caso, ajudou o Hard Rock a apresentar o item em seu World Burger Tour anteriormente, e já tinha a receita em vigor em muitas cozinhas. “Com aquele toque de queda no ar, os hóspedes buscam alguns daqueles sabores maiores, como chucrute e bacon, notas maiores do sabor da cerveja. Todos eles se saem muito bem aqui ”, diz Mickler sobre o item, que é uma continuação das combinações de hambúrguer e cerveja que o Hard Rock lançou ao longo do ano, incluindo o Rebel Legendary Burger e o Goose Island Tropical Bacon Burger.

Como o Hard Rock, o Butcher’s Tap no bairro de Lincoln Park em Chicago começou com a cerveja. O Chef Executivo Sean Currie, depois de olhar para algumas novas seleções de cerveja chegando, decidiu que queria estender essa inspiração para a cozinha.

Não atrapalhou o fato de ele ter passado nove anos estudando alemão como língua e sempre teve afinidade com a culinária, em uma cidade que ele diz adorar “cerveja e pirralhos” naturalmente.

“Imediatamente, a placa de pirralho estava acontecendo. Então eu estava meio que pulando com coisas diferentes ”, diz ele. Currie propôs três especiais alemães no restaurante, que tem uma seleção de 100 cervejas diferentes e 80 linhas de tap. O primeiro, como ele mesmo mencionou, foi um prato com um pirralho tradicional, salada de batata alemã, bacon e chucrute de cerveja e mostarda integral.

“Adoro cozinhar pirralhos na cerveja, derreter cebolas na própria cerveja”, diz ele. "É uma espécie de panela única e você pode terminar na grelha." Currie também trouxe Samuel Adams OctoberFest para a equação. “Eu amo chucrute. Vai muito bem com qualquer salsicha para ser honesto. O que eu gosto de fazer é fazer um chucrute geral. Depois, cozinho grandes pedaços de bacon e coloco o chucrute com toda a gordura do bacon e o próprio bacon. Então eu cobri com o Samuel Adams OctoberFest e cozinhei. Na verdade, é muito interessante. Isso o torna um pouco doce. Você tem aquele bacon gordo de chucrute amargo e picante e pouca doçura de cerveja. ”

Suas outras duas criações foram um pirralho ao estilo Sheboygan em um pão com cebola derretida e um lado de salada de batata e sanduíche de schnitzel com salada de batata ou chucrute.

Currie adotou uma abordagem diferente com o schnitzel, usando carne de vaca em vez de porco. Depois de preparar os pratos, ele os colocou e deixou que sua equipe julgasse. Um dos gerentes gerais do restaurante, que por acaso é alemão, forneceu a Currie todo o feedback de que ele precisava.

“Basicamente, ele simplesmente pegou todas as sobras, colocou em um prato e desapareceu no escritório”, diz Currie. “Eu me senti muito bem com [os pratos] depois disso.”


Restaurantes mudam o foco para sabores da Oktoberfest

Um tema da Oktoberfest, apresentando uma cerveja chamada OctoberFest, baseado em um item do menu realmente estrelado na Alemanha. Darryl Mickler, o diretor sênior de pesquisa e desenvolvimento da Hard Rock International, admite que esta foi uma oferta por tempo limitado que não precisava esticar os canais criativos da marca. “É uma combinação perfeita”, diz ele, simplesmente.

Quando se trata da celebração alemã, que ocorreu de 19 de setembro a 4 de outubro em Munique, às vezes é melhor não complicar as coisas. A promoção do Hard Rock do The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger homenageia o Local Legendary Schnitzel Burger de Munique. Nos estágios de planejamento, Mickler diz que era importante manter de vista os sabores autênticos que os clientes desejam nesta época do ano, mas também encontrar uma maneira de torcer a receita para mantê-la fresca. A parceria com Samuel Adams deu ao Hard Rock uma direção imediata.

“Foi natural evoluir um pouco o item para que combinasse bem com Samuel Adams OctoberFest”, explica ele. “Fomos e voltamos com seus especialistas em cerveja e seu mestre cervejeiro, conversando sobre o perfil de sabor dele.” O resultado foi um tenro schnitzel de porco empanado levemente, um molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon defumado, chucrute, mostarda integral e rúcula fresca, servido em um pão de pretzel. Chegar a esse ponto, embora claro em conceito, exigiu bastante perspicácia. Mickler diz que queria melhorar cada ingrediente e passou um tempo garantindo que os detalhes, como colher rúcula em cima da alface americana e testar diferentes pãezinhos de pretzel, juntassem tudo. Sem mencionar, mantê-lo simplificado o suficiente para que suas muitas unidades pudessem replicar facilmente a criação.

Nesse caso, ajudou o Hard Rock a apresentar o item em seu World Burger Tour anteriormente, e já tinha a receita em vigor em muitas cozinhas. “Com aquela sugestão de queda no ar, os hóspedes procuram alguns daqueles sabores maiores, como chucrute e bacon, notas maiores do sabor da cerveja. Todos eles se saem muito bem aqui ”, diz Mickler sobre o item, que é uma continuação das combinações de hambúrguer e cerveja que o Hard Rock lançou ao longo do ano, incluindo o Rebel Legendary Burger e o Goose Island Tropical Bacon Burger.

Como o Hard Rock, o Butcher’s Tap no bairro de Lincoln Park em Chicago começou com a cerveja. O Chef Executivo Sean Currie, depois de olhar para algumas novas seleções de cerveja chegando, decidiu que queria estender essa inspiração para a cozinha.

Não doeu que ele passou nove anos estudando alemão como língua e sempre teve afinidade com a culinária, em uma cidade que ele diz adorar “cerveja e pirralhos”.

“Imediatamente, a placa de pirralho estava acontecendo. Então eu estava meio que pulando com coisas diferentes ”, diz ele. Currie propôs três especiais alemães no restaurante, que tem uma seleção de 100 cervejas diferentes e 80 linhas de tap. O primeiro, como ele mencionou, foi um prato com um pirralho tradicional, salada de batata alemã, bacon e chucrute de cerveja e mostarda integral.

“Adoro cozinhar pirralhos na cerveja, derreter cebolas na própria cerveja”, diz ele. "É uma espécie de panela única e você pode terminar na grelha." Currie também trouxe Samuel Adams OctoberFest para a equação. “Eu amo chucrute. Vai muito bem com qualquer salsicha para ser honesto. O que eu gosto de fazer é um chucrute geral. Depois, cozinho grandes pedaços de bacon e coloco o chucrute com toda a gordura do bacon e o próprio bacon. Então eu cobri com o Samuel Adams OctoberFest e cozinhei. Na verdade, é muito interessante. Isso o torna um pouco doce. Você tem aquele bacon gordo de chucrute amargo e picante e pouca doçura de cerveja. ”

Suas outras duas criações foram um pirralho ao estilo Sheboygan em um pão com cebola derretida e um lado de salada de batata e sanduíche de schnitzel com salada de batata ou chucrute.

Currie adotou uma abordagem diferente com o schnitzel, usando carne de vaca em vez de porco. Depois de preparar os pratos, ele os colocou e deixou que sua equipe julgasse. Um dos gerentes gerais do restaurante, que por acaso é alemão, forneceu a Currie todo o feedback de que ele precisava.

“Basicamente, ele pegou todas as sobras, colocou em um prato e desapareceu no escritório”, diz Currie. “Eu me senti muito bem com [os pratos] depois disso.”


Restaurantes mudam o foco para sabores da Oktoberfest

Um tema da Oktoberfest, apresentando uma cerveja chamada OctoberFest, baseado em um item do menu realmente estrelado na Alemanha. Darryl Mickler, o diretor sênior de pesquisa e desenvolvimento da Hard Rock International, admite que esta foi uma oferta por tempo limitado que não precisava esticar os canais criativos da marca. “É uma combinação perfeita”, diz ele, simplesmente.

Quando se trata da celebração alemã, que ocorreu de 19 de setembro a 4 de outubro em Munique, às vezes é melhor não complicar as coisas. A promoção do Hard Rock do The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger homenageia o Local Legendary Schnitzel Burger de Munique. Nos estágios de planejamento, Mickler diz que era importante manter de vista os sabores autênticos que os clientes desejam nesta época do ano, mas também encontrar uma maneira de torcer a receita para mantê-la fresca. A parceria com Samuel Adams deu ao Hard Rock uma direção imediata.

“Foi natural evoluir um pouco o item para que combinasse bem com Samuel Adams OctoberFest”, explica ele. “Fomos e voltamos com seus especialistas em cerveja e seu mestre cervejeiro, conversando sobre o perfil de sabor dele.” O resultado foi um tenro schnitzel de porco empanado levemente, um molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon defumado, chucrute, mostarda integral e rúcula fresca, servido em um pão de pretzel. Chegar a esse ponto, embora claro em conceito, exigiu bastante perspicácia. Mickler diz que queria melhorar cada ingrediente e passou um tempo garantindo que os detalhes, como colher rúcula em cima da alface americana e testar diferentes pãezinhos de pretzel, juntassem tudo. Sem mencionar, mantê-lo simplificado o suficiente para que suas muitas unidades pudessem replicar facilmente a criação.

Nesse caso, ajudou o Hard Rock a apresentar o item em seu World Burger Tour anteriormente, e já tinha a receita em vigor em muitas cozinhas. “Com aquele toque de queda no ar, os hóspedes buscam alguns daqueles sabores maiores, como chucrute e bacon, notas maiores do sabor da cerveja. Todos eles se saem muito bem aqui ”, diz Mickler sobre o item, que é uma continuação das combinações de hambúrguer e cerveja que o Hard Rock lançou ao longo do ano, incluindo o Rebel Legendary Burger e o Goose Island Tropical Bacon Burger.

Como o Hard Rock, o Butcher’s Tap no bairro de Lincoln Park em Chicago começou com a cerveja. O Chef Executivo Sean Currie, depois de olhar para algumas novas seleções de cerveja chegando, decidiu que queria estender essa inspiração para a cozinha.

Não atrapalhou o fato de ele ter passado nove anos estudando alemão como língua e sempre teve afinidade com a culinária, em uma cidade que ele diz adorar “cerveja e pirralhos” naturalmente.

“Imediatamente, a placa de pirralho estava acontecendo. Então eu estava meio que pulando com coisas diferentes ”, diz ele. Currie propôs três especiais alemães no restaurante, que tem uma seleção de 100 cervejas diferentes e 80 linhas de tap. O primeiro, como ele mesmo mencionou, foi um prato com um pirralho tradicional, salada de batata alemã, bacon e chucrute de cerveja e mostarda integral.

“Adoro cozinhar pirralhos na cerveja, derreter cebolas na própria cerveja”, diz ele. “É uma espécie de panela única e você pode terminar na grelha.” Currie também trouxe Samuel Adams OctoberFest para a equação. “Eu amo chucrute. Vai muito bem com qualquer salsicha para ser honesto. O que eu gosto de fazer é fazer um chucrute geral. Depois, cozinho grandes pedaços de bacon e coloco o chucrute com toda a gordura do bacon e o próprio bacon. Então eu cobri com o Samuel Adams OctoberFest e cozinhei. Na verdade, é muito interessante. Isso o torna um pouco doce. Você tem aquele bacon gordo de chucrute amargo e picante e pouca doçura de cerveja. ”

Suas outras duas criações foram um pirralho ao estilo Sheboygan em um pão com cebola derretida e um lado de salada de batata e sanduíche de schnitzel com salada de batata ou chucrute.

Currie adotou uma abordagem diferente com o schnitzel, usando carne de vaca em vez de porco. Depois de preparar os pratos, ele os colocou e deixou que sua equipe julgasse. Um dos gerentes gerais do restaurante, que por acaso é alemão, forneceu a Currie todo o feedback de que ele precisava.

“Basicamente, ele simplesmente pegou todas as sobras, colocou em um prato e desapareceu no escritório”, diz Currie. “Eu me senti muito bem com [os pratos] depois disso.”


Restaurantes mudam o foco para sabores da Oktoberfest

Um tema da Oktoberfest, apresentando uma cerveja chamada OctoberFest, baseado em um item do menu realmente estrelado na Alemanha. Darryl Mickler, o diretor sênior de pesquisa e desenvolvimento da Hard Rock International, admite que esta foi uma oferta por tempo limitado que não precisava esticar os canais criativos da marca. “É uma combinação perfeita”, diz ele, simplesmente.

Quando se trata da celebração alemã, que ocorreu de 19 de setembro a 4 de outubro em Munique, às vezes é melhor não complicar as coisas. A promoção do Hard Rock do The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger homenageia o Local Legendary Schnitzel Burger de Munique. Nos estágios de planejamento, Mickler diz que era importante manter de vista os sabores autênticos que os clientes desejam nesta época do ano, mas também encontrar uma maneira de torcer a receita para mantê-la fresca. A parceria com Samuel Adams deu ao Hard Rock uma direção imediata.

“Foi natural evoluir um pouco o item para que combinasse bem com Samuel Adams OctoberFest”, explica ele. “Fomos e voltamos com seus especialistas em cerveja e seu mestre cervejeiro, conversando sobre o perfil de sabor dele.” O resultado foi um tenro schnitzel de porco empanado levemente, um molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon defumado, chucrute, mostarda integral e rúcula fresca, servido em um pão de pretzel. Chegar a esse ponto, embora claro em conceito, exigiu bastante perspicácia. Mickler diz que queria melhorar cada ingrediente e passou um tempo garantindo que os detalhes, como colher rúcula em cima da alface americana e testar diferentes pãezinhos de pretzel, juntassem tudo. Sem mencionar, mantê-lo simplificado o suficiente para que suas muitas unidades pudessem replicar facilmente a criação.

Nesse caso, ajudou o Hard Rock a apresentar o item em seu World Burger Tour anteriormente, e já tinha a receita em vigor em muitas cozinhas. “Com aquele toque de queda no ar, os hóspedes buscam alguns daqueles sabores maiores, como chucrute e bacon, notas maiores do sabor da cerveja. Todos eles se saem muito bem aqui ”, diz Mickler sobre o item, que é uma continuação das combinações de hambúrguer e cerveja que o Hard Rock lançou ao longo do ano, incluindo o Rebel Legendary Burger e o Goose Island Tropical Bacon Burger.

Como o Hard Rock, o Butcher’s Tap no bairro de Lincoln Park em Chicago começou com a cerveja. O Chef Executivo Sean Currie, depois de olhar para algumas novas seleções de cerveja chegando, decidiu que queria estender essa inspiração para a cozinha.

Não doeu que ele passou nove anos estudando alemão como língua e sempre teve afinidade com a culinária, em uma cidade que ele diz adorar “cerveja e pirralhos”.

“Imediatamente, a placa de pirralho estava acontecendo. Então eu estava meio que pulando com coisas diferentes ”, diz ele. Currie propôs três especiais alemães no restaurante, que tem uma seleção de 100 cervejas diferentes e 80 linhas de tap. O primeiro, como ele mencionou, foi um prato com um pirralho tradicional, salada de batata alemã, bacon e chucrute de cerveja e mostarda integral.

“Adoro cozinhar pirralhos na cerveja, derreter cebolas na própria cerveja”, diz ele. “É uma espécie de panela única e você pode terminar na grelha.” Currie também trouxe Samuel Adams OctoberFest para a equação. “Eu amo chucrute. Vai muito bem com qualquer salsicha para ser honesto. O que eu gosto de fazer é fazer um chucrute geral. Depois, cozinho grandes pedaços de bacon e coloco o chucrute com toda a gordura do bacon e o próprio bacon. Então eu cobri com o Samuel Adams OctoberFest e cozinhei. Na verdade, é muito interessante. Isso o torna um pouco doce. Você tem aquele bacon gordo de chucrute amargo e picante e pouca doçura de cerveja. ”

Suas outras duas criações foram um pirralho ao estilo Sheboygan em um pão com cebola derretida e um lado de salada de batata e sanduíche de schnitzel com salada de batata ou chucrute.

Currie adotou uma abordagem diferente com o schnitzel, usando carne de vaca em vez de porco. Depois de preparar os pratos, ele os colocou e deixou que sua equipe julgasse. Um dos gerentes gerais do restaurante, que por acaso é alemão, forneceu a Currie todo o feedback de que ele precisava.

“Basicamente, ele simplesmente pegou todas as sobras, colocou em um prato e desapareceu no escritório”, diz Currie. “Eu me senti muito bem com [os pratos] depois disso.”


Restaurantes mudam o foco para sabores da Oktoberfest

Um tema da Oktoberfest, apresentando uma cerveja chamada OctoberFest, baseado em um item do menu realmente estrelado na Alemanha. Darryl Mickler, o diretor sênior de pesquisa e desenvolvimento da Hard Rock International, admite que esta foi uma oferta por tempo limitado que não precisava esticar os canais criativos da marca. “É uma combinação perfeita”, diz ele, simplesmente.

Quando se trata da celebração alemã, que ocorreu de 19 de setembro a 4 de outubro em Munique, às vezes é melhor não complicar as coisas. A promoção do Hard Rock do The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger homenageia o Local Legendary Schnitzel Burger de Munique. Nos estágios de planejamento, Mickler diz que era importante manter de vista os sabores autênticos que os clientes desejam nesta época do ano, mas também encontrar uma maneira de torcer a receita para mantê-la fresca. A parceria com Samuel Adams deu ao Hard Rock uma direção imediata.

“Foi natural evoluir um pouco o item para que combinasse bem com Samuel Adams OctoberFest”, explica ele. “Fomos e voltamos com seus especialistas em cerveja e seu mestre cervejeiro, conversando sobre o perfil de sabor dele.” O resultado foi um tenro schnitzel de porco empanado levemente, um molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon defumado, chucrute, mostarda integral e rúcula fresca, servido em um pão de pretzel. Chegar a esse ponto, embora claro em conceito, exigiu bastante perspicácia. Mickler diz que queria melhorar cada ingrediente e passou um tempo garantindo que os detalhes, como colher rúcula em cima da alface americana e testar diferentes pãezinhos de pretzel, juntassem tudo. Sem mencionar, mantê-lo simplificado o suficiente para que suas muitas unidades pudessem replicar facilmente a criação.

Nesse caso, ajudou o Hard Rock a apresentar o item em seu World Burger Tour anteriormente, e já tinha a receita em vigor em muitas cozinhas. “Com aquela sugestão de queda no ar, os hóspedes procuram alguns daqueles sabores maiores, como chucrute e bacon, notas maiores do sabor da cerveja. Todos eles se saem muito bem aqui ”, diz Mickler sobre o item, que é uma continuação das combinações de hambúrguer e cerveja que o Hard Rock lançou ao longo do ano, incluindo o Rebel Legendary Burger e o Goose Island Tropical Bacon Burger.

Como o Hard Rock, o Butcher’s Tap no bairro de Lincoln Park em Chicago começou com a cerveja. O Chef Executivo Sean Currie, depois de olhar para algumas novas seleções de cerveja chegando, decidiu que queria estender essa inspiração para a cozinha.

Não doeu que ele passou nove anos estudando alemão como língua e sempre teve afinidade com a culinária, em uma cidade que ele diz adorar “cerveja e pirralhos”.

“Imediatamente, a placa de pirralho estava acontecendo. Então eu estava meio que pulando com coisas diferentes ”, diz ele. Currie propôs três especiais alemães no restaurante, que tem uma seleção de 100 cervejas diferentes e 80 linhas de tap. O primeiro, como ele mencionou, foi um prato com um pirralho tradicional, salada de batata alemã, bacon e chucrute de cerveja e mostarda integral.

“Adoro cozinhar pirralhos na cerveja, derreter cebolas na própria cerveja”, diz ele. "É uma espécie de panela única e você pode terminar na grelha." Currie também trouxe Samuel Adams OctoberFest para a equação. “Eu amo chucrute. Vai muito bem com qualquer salsicha para ser honesto. O que eu gosto de fazer é fazer um chucrute geral. Depois, cozinho grandes pedaços de bacon e coloco o chucrute com toda a gordura do bacon e o próprio bacon. Então eu cobri com o Samuel Adams OctoberFest e cozinhei. Na verdade, é muito interessante. Isso o torna um pouco doce. Você tem aquele bacon gordo de chucrute amargo e picante e pouca doçura de cerveja. ”

Suas outras duas criações foram um pirralho ao estilo Sheboygan em um pão com cebola derretida e um lado de salada de batata e sanduíche de schnitzel com salada de batata ou chucrute.

Currie adotou uma abordagem diferente com o schnitzel, usando carne de vaca em vez de porco. Depois de preparar os pratos, ele os colocou e deixou que sua equipe julgasse. Um dos gerentes gerais do restaurante, que por acaso é alemão, forneceu a Currie todo o feedback de que ele precisava.

“Basicamente, ele simplesmente pegou todas as sobras, colocou em um prato e desapareceu no escritório”, diz Currie. “Eu me senti muito bem com [os pratos] depois disso.”


Restaurantes mudam o foco para sabores da Oktoberfest

Um tema da Oktoberfest, apresentando uma cerveja chamada OctoberFest, baseado em um item do menu realmente estrelado na Alemanha. Darryl Mickler, o diretor sênior de pesquisa e desenvolvimento da Hard Rock International, admite que esta foi uma oferta por tempo limitado que não precisava esticar os canais criativos da marca. “É uma combinação perfeita”, diz ele, simplesmente.

Quando se trata da celebração alemã, que ocorreu de 19 de setembro a 4 de outubro em Munique, às vezes é melhor não complicar as coisas. A promoção do Hard Rock do The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger homenageia o Local Legendary Schnitzel Burger de Munique. Nos estágios de planejamento, Mickler diz que era importante manter de vista os sabores autênticos que os clientes desejam nesta época do ano, mas também encontrar uma maneira de torcer a receita para mantê-la fresca. A parceria com Samuel Adams deu ao Hard Rock uma direção imediata.

“Foi natural evoluir um pouco o item para que combinasse bem com Samuel Adams OctoberFest”, explica ele. “Fomos e voltamos com seus especialistas em cerveja e seu mestre cervejeiro, conversando sobre o perfil de sabor dele.” O resultado foi um tenro schnitzel de porco empanado levemente, um molho de queijo de cerveja com infusão de Samuel Adams OctoberFest, bacon defumado, chucrute, mostarda integral e rúcula fresca, servido em um pão de pretzel. Chegar a esse ponto, embora claro em conceito, exigiu bastante perspicácia. Mickler diz que queria melhorar cada ingrediente e passou um tempo garantindo que os detalhes, como colher rúcula em cima da alface americana e testar diferentes pãezinhos de pretzel, juntassem tudo. Sem mencionar, mantê-lo simplificado o suficiente para que suas muitas unidades pudessem replicar facilmente a criação.

Nesse caso, ajudou o Hard Rock a apresentar o item em seu World Burger Tour anteriormente, e já tinha a receita em vigor em muitas cozinhas. “Com aquele toque de queda no ar, os hóspedes buscam alguns daqueles sabores maiores, como chucrute e bacon, notas maiores do sabor da cerveja. Todos eles se saem muito bem aqui ”, diz Mickler sobre o item, que é uma continuação das combinações de hambúrguer e cerveja que o Hard Rock lançou ao longo do ano, incluindo o Rebel Legendary Burger e o Goose Island Tropical Bacon Burger.

Como o Hard Rock, o Butcher’s Tap no bairro de Lincoln Park em Chicago começou com a cerveja. O Chef Executivo Sean Currie, depois de olhar para algumas novas seleções de cerveja chegando, decidiu que queria estender essa inspiração para a cozinha.

It didn’t hurt that he spent nine years studying German as a language and has always had an affinity for the cuisine, in a town he says naturally loves “beer and brats.”

“Right away, the brat plate was happening. Then I was kind of bouncing around with different things,” he says. Currie came up with three German specials at the restaurant, which has a selection of 100 different beers and 80 tap lines. The first, as he mentioned, was a plate with a traditional style brat, German potato salad, bacon and beer sauerkraut, and whole grain mustard.

“I love cooking brats in beer, melting onions in the beer itself,” he says. “It’s kind of a nice one-pot thing and you can finish it on the grill.” Currie also brought Samuel Adams OctoberFest into the equation. “I love sauerkraut. It goes great with any sausage to be honest. What I like to do is make a general sauerkraut. Then I cook off big chunks of bacon and put the sauerkraut in with all of the bacon fat and bacon itself. Then I covered it with the Samuel Adams OctoberFest and cooked it down. It’s actually pretty interesting. It makes it a little sweet. You have that bitter, tangy, sauerkraut fatty bacon, and little sweetness of beer.”

His other two creations were a Sheboygan style brat on a bun with melted onions and a side of potato salad, and schnitzel sandwich with a potato salad or sauerkraut.

Currie took a different approach with the schnitzel, using beef instead of pork. After crafting the dishes, he laid them out and let his staff judge. One of the restaurant’s general managers, who happens to be German, provided Currie all the feedback he needed.

“Basically, he just took all the leftovers, put it on one plate, and disappeared into the office,” Currie says. “I felt pretty good about [the dishes] after that.”


Restaurants Turn Focus to Oktoberfest Flavors

An Oktoberfest theme, featuring a beer called OctoberFest, based on a menu item actually starring in Germany. Darryl Mickler, the senior director of research and development at Hard Rock International, admits this was one limited-time offering that didn’t need to stretch the brand’s creative outlets. “It’s a match made in heaven,” he says, simply.

When it comes to the German celebration, which ran from September 19 to October 4 in Munich, sometimes it’s best not to overcomplicate things. Hard Rock’s promotion of The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger pays homage to its Munich location’s Local Legendary Schnitzel Burger. In the planning stages, Mickler says it was important to keep sight of the authentic flavors patrons crave this time of year, but also finding a way to twist the recipe to keep it fresh. The partnership with Samuel Adams gave Hard Rock an immediate direction.

“It was natural to evolve the item a little bit so that it pairs well with Samuel Adams OctoberFest,” he explains. “We went back and forth with their brew experts and their brewmaster, talking about the flavor profile of it.” The result was a lightly-breaded tender pork schnitzel, a Samuel Adams OctoberFest-infused beer cheese sauce, smoked bacon, sauerkraut, whole grain mustard, and fresh arugula, served on a pretzel bun. Getting to that point, while clear in concept, took plenty of foresight. Mickler says they wanted to elevate every ingredient, and spent time making sure details, such as picking arugula over iceberg lettuce, and testing different pretzel buns, brought everything together. Not to mention, keeping it streamlined enough so their many units could easily replicate the creation.

It helped in this case that Hard Rock had featured the item in its World Burger Tour previously, and already had the recipe in place in many kitchens. “With that hint of fall in the air, guests are looking for some of those bigger flavors, such as sauerkraut and bacon, bigger beer flavor notes. All those play out very nicely here,” Mickler says of the item, which is a continuation of the burger and beer pairings Hard Rock has rolled out throughout the year, including the Rebel Legendary Burger and the Goose Island Tropical Bacon Burger.

Like Hard Rock, Butcher’s Tap in Chicago’s Lincoln Park neighborhood began with the beer. Executive Chef Sean Currie, after looking at some new brew selections coming in, decided he wanted to extend that inspiration into the kitchen.

It didn’t hurt that he spent nine years studying German as a language and has always had an affinity for the cuisine, in a town he says naturally loves “beer and brats.”

“Right away, the brat plate was happening. Then I was kind of bouncing around with different things,” he says. Currie came up with three German specials at the restaurant, which has a selection of 100 different beers and 80 tap lines. The first, as he mentioned, was a plate with a traditional style brat, German potato salad, bacon and beer sauerkraut, and whole grain mustard.

“I love cooking brats in beer, melting onions in the beer itself,” he says. “It’s kind of a nice one-pot thing and you can finish it on the grill.” Currie also brought Samuel Adams OctoberFest into the equation. “I love sauerkraut. It goes great with any sausage to be honest. What I like to do is make a general sauerkraut. Then I cook off big chunks of bacon and put the sauerkraut in with all of the bacon fat and bacon itself. Then I covered it with the Samuel Adams OctoberFest and cooked it down. It’s actually pretty interesting. It makes it a little sweet. You have that bitter, tangy, sauerkraut fatty bacon, and little sweetness of beer.”

His other two creations were a Sheboygan style brat on a bun with melted onions and a side of potato salad, and schnitzel sandwich with a potato salad or sauerkraut.

Currie took a different approach with the schnitzel, using beef instead of pork. After crafting the dishes, he laid them out and let his staff judge. One of the restaurant’s general managers, who happens to be German, provided Currie all the feedback he needed.

“Basically, he just took all the leftovers, put it on one plate, and disappeared into the office,” Currie says. “I felt pretty good about [the dishes] after that.”


Restaurants Turn Focus to Oktoberfest Flavors

An Oktoberfest theme, featuring a beer called OctoberFest, based on a menu item actually starring in Germany. Darryl Mickler, the senior director of research and development at Hard Rock International, admits this was one limited-time offering that didn’t need to stretch the brand’s creative outlets. “It’s a match made in heaven,” he says, simply.

When it comes to the German celebration, which ran from September 19 to October 4 in Munich, sometimes it’s best not to overcomplicate things. Hard Rock’s promotion of The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger pays homage to its Munich location’s Local Legendary Schnitzel Burger. In the planning stages, Mickler says it was important to keep sight of the authentic flavors patrons crave this time of year, but also finding a way to twist the recipe to keep it fresh. The partnership with Samuel Adams gave Hard Rock an immediate direction.

“It was natural to evolve the item a little bit so that it pairs well with Samuel Adams OctoberFest,” he explains. “We went back and forth with their brew experts and their brewmaster, talking about the flavor profile of it.” The result was a lightly-breaded tender pork schnitzel, a Samuel Adams OctoberFest-infused beer cheese sauce, smoked bacon, sauerkraut, whole grain mustard, and fresh arugula, served on a pretzel bun. Getting to that point, while clear in concept, took plenty of foresight. Mickler says they wanted to elevate every ingredient, and spent time making sure details, such as picking arugula over iceberg lettuce, and testing different pretzel buns, brought everything together. Not to mention, keeping it streamlined enough so their many units could easily replicate the creation.

It helped in this case that Hard Rock had featured the item in its World Burger Tour previously, and already had the recipe in place in many kitchens. “With that hint of fall in the air, guests are looking for some of those bigger flavors, such as sauerkraut and bacon, bigger beer flavor notes. All those play out very nicely here,” Mickler says of the item, which is a continuation of the burger and beer pairings Hard Rock has rolled out throughout the year, including the Rebel Legendary Burger and the Goose Island Tropical Bacon Burger.

Like Hard Rock, Butcher’s Tap in Chicago’s Lincoln Park neighborhood began with the beer. Executive Chef Sean Currie, after looking at some new brew selections coming in, decided he wanted to extend that inspiration into the kitchen.

It didn’t hurt that he spent nine years studying German as a language and has always had an affinity for the cuisine, in a town he says naturally loves “beer and brats.”

“Right away, the brat plate was happening. Then I was kind of bouncing around with different things,” he says. Currie came up with three German specials at the restaurant, which has a selection of 100 different beers and 80 tap lines. The first, as he mentioned, was a plate with a traditional style brat, German potato salad, bacon and beer sauerkraut, and whole grain mustard.

“I love cooking brats in beer, melting onions in the beer itself,” he says. “It’s kind of a nice one-pot thing and you can finish it on the grill.” Currie also brought Samuel Adams OctoberFest into the equation. “I love sauerkraut. It goes great with any sausage to be honest. What I like to do is make a general sauerkraut. Then I cook off big chunks of bacon and put the sauerkraut in with all of the bacon fat and bacon itself. Then I covered it with the Samuel Adams OctoberFest and cooked it down. It’s actually pretty interesting. It makes it a little sweet. You have that bitter, tangy, sauerkraut fatty bacon, and little sweetness of beer.”

His other two creations were a Sheboygan style brat on a bun with melted onions and a side of potato salad, and schnitzel sandwich with a potato salad or sauerkraut.

Currie took a different approach with the schnitzel, using beef instead of pork. After crafting the dishes, he laid them out and let his staff judge. One of the restaurant’s general managers, who happens to be German, provided Currie all the feedback he needed.

“Basically, he just took all the leftovers, put it on one plate, and disappeared into the office,” Currie says. “I felt pretty good about [the dishes] after that.”


Restaurants Turn Focus to Oktoberfest Flavors

An Oktoberfest theme, featuring a beer called OctoberFest, based on a menu item actually starring in Germany. Darryl Mickler, the senior director of research and development at Hard Rock International, admits this was one limited-time offering that didn’t need to stretch the brand’s creative outlets. “It’s a match made in heaven,” he says, simply.

When it comes to the German celebration, which ran from September 19 to October 4 in Munich, sometimes it’s best not to overcomplicate things. Hard Rock’s promotion of The Samuel Adams OctoberFest Schnitzel Burger pays homage to its Munich location’s Local Legendary Schnitzel Burger. In the planning stages, Mickler says it was important to keep sight of the authentic flavors patrons crave this time of year, but also finding a way to twist the recipe to keep it fresh. The partnership with Samuel Adams gave Hard Rock an immediate direction.

“It was natural to evolve the item a little bit so that it pairs well with Samuel Adams OctoberFest,” he explains. “We went back and forth with their brew experts and their brewmaster, talking about the flavor profile of it.” The result was a lightly-breaded tender pork schnitzel, a Samuel Adams OctoberFest-infused beer cheese sauce, smoked bacon, sauerkraut, whole grain mustard, and fresh arugula, served on a pretzel bun. Getting to that point, while clear in concept, took plenty of foresight. Mickler says they wanted to elevate every ingredient, and spent time making sure details, such as picking arugula over iceberg lettuce, and testing different pretzel buns, brought everything together. Not to mention, keeping it streamlined enough so their many units could easily replicate the creation.

It helped in this case that Hard Rock had featured the item in its World Burger Tour previously, and already had the recipe in place in many kitchens. “With that hint of fall in the air, guests are looking for some of those bigger flavors, such as sauerkraut and bacon, bigger beer flavor notes. All those play out very nicely here,” Mickler says of the item, which is a continuation of the burger and beer pairings Hard Rock has rolled out throughout the year, including the Rebel Legendary Burger and the Goose Island Tropical Bacon Burger.

Like Hard Rock, Butcher’s Tap in Chicago’s Lincoln Park neighborhood began with the beer. Executive Chef Sean Currie, after looking at some new brew selections coming in, decided he wanted to extend that inspiration into the kitchen.

It didn’t hurt that he spent nine years studying German as a language and has always had an affinity for the cuisine, in a town he says naturally loves “beer and brats.”

“Right away, the brat plate was happening. Then I was kind of bouncing around with different things,” he says. Currie came up with three German specials at the restaurant, which has a selection of 100 different beers and 80 tap lines. The first, as he mentioned, was a plate with a traditional style brat, German potato salad, bacon and beer sauerkraut, and whole grain mustard.

“I love cooking brats in beer, melting onions in the beer itself,” he says. “It’s kind of a nice one-pot thing and you can finish it on the grill.” Currie also brought Samuel Adams OctoberFest into the equation. “I love sauerkraut. It goes great with any sausage to be honest. What I like to do is make a general sauerkraut. Then I cook off big chunks of bacon and put the sauerkraut in with all of the bacon fat and bacon itself. Then I covered it with the Samuel Adams OctoberFest and cooked it down. It’s actually pretty interesting. It makes it a little sweet. You have that bitter, tangy, sauerkraut fatty bacon, and little sweetness of beer.”

His other two creations were a Sheboygan style brat on a bun with melted onions and a side of potato salad, and schnitzel sandwich with a potato salad or sauerkraut.

Currie took a different approach with the schnitzel, using beef instead of pork. After crafting the dishes, he laid them out and let his staff judge. One of the restaurant’s general managers, who happens to be German, provided Currie all the feedback he needed.

“Basically, he just took all the leftovers, put it on one plate, and disappeared into the office,” Currie says. “I felt pretty good about [the dishes] after that.”


Assista o vídeo: Hard rock café Roma (Janeiro 2022).